sábado, 23 de janeiro de 2010

19:08

- so quero acreditar que tudo vale a pena, que nós não nos resumimos a apertos no peito e a ausencias infinitas. preciso que me (re)lembres do puro, do verdadeiro. vai, volta abrir a nossa caixinha das recordações, eu já nao consigo fazê-lo e estou a deixar-te para trás, em dias distantes, paginas semi-viradas e imagens desfocadas. preciso das minhas bases, preciso das bases que me davas. quero tanto acreditar nisto, juro, mas algo me puxa na direcção oposta, para dias desconhecidos e para uma nova caixa de lembranças. eu quero, mas não consigo, agora não consigo.
 I see you soon

8 comentários:

  1. Espero que sim :s
    Vamos pois, vamos comeeeerreeeee e ter conversas de "tias" x)

    ResponderEliminar
  2. Tambem preciso disso. Urgentementeee :|

    Beijoca :)

    ResponderEliminar
  3. Ai. Este ficou-se-me pelo aperto na garganta. :$

    ResponderEliminar
  4. essas caixinhas precisam mesmo de ser abertas :$

    ResponderEliminar
  5. Mas o melhor (ou não), é nós não termos a capacidade de alterar os nossos sonhos.

    ResponderEliminar

criticas. elogios. desabafos. everything :)